Sorria, sem motivo, com motivo, sozinho, ou quando alguém faz você rir. Apenas sorria, o sorriso abre portas, contagia, diverte!

Páginas

segunda-feira, 30 de maio de 2011

Contradição

Nós somos contradições, a vida é uma contradição. Sempre dizemos para alguém que a as coisas acontecem porque tinham que acontecer, mas quando acontece com nós, não aceitamos e procuramos um culpado.
Dizemos para os outros não fazerem determinada ação, porque é errado, porque é proibido. Mas nós mesmos acabamos fazendo isso.
Algumas contradições são boas, outras ruins e algumas não fazem diferença. Mas sempre vamos acabar nos contradizendo em algum momento da vida!

sábado, 28 de maio de 2011

Não sei mais quem sou

Estou um pouco exausta de tentar, tentar, tentar e não conseguir. Parece que quando mais eu tento menos funciona. Não sei direito mais sobre meus sentimentos, ainda bem que ninguém pode me decodificar, ninguém consegue ver dentro de mim, alias, acho que nem eu mesma sei mais quem eu sou, uma vida-dupla, sorrisos nem sempre tão espontâneos, um coração um tanto quanto dolorido, falta de confiança em todos. E junto vem à nostalgia e a vontade de ouvir músicas que só pioram tudo. Como eu cheguei nisso? Eu costumava me conhecer tão bem.. e só na hora de deitar que percebo o quão solitária me tornei. Me tornei tão fria, que não consigo sentir mais ninguém aqui.

*Texto escrito em conjunto com minha amiga Mariana Aguiar.

Rio de solidão

Conhece aquele sentimento de solidão? É um sentimento que te joga para baixo e te deixa lá até alguém vir e te levantar. E assim estou me sentindo. Isso veio de repente, sem explicação, sem dar sinais. E trouxe junto à nostalgia e a vontade de ouvir músicas que só me afundam mais. E nesse rio de solidão tento a todo o momento me agarrar a algo que me permita sair. Mas por enquanto, continuo nanando neste rio.

sexta-feira, 27 de maio de 2011

Eu sempre soube

Talvez eu sempre soube que isso iria acontecer, que não teria vocês ao meu lado para sempre. Só não quis acreditar e nem aceitar que um dia meus amigos ia tomar cada um seu rumo, e que nesse rumo não haveria eu.
Muitas vezes não sei porque não falo mais com alguém, mas na maioria das vezes é culpa do tempo, da vida, das coisas naturais. Que saudade das brincadeiras e risadas diárias com meus amigos!
Queria tanto aqueles dias de volta! Mas as coisas acontecem e não voltam mais. Seguirei também meu caminho encarando os problemas. E nunca esquecerei dos que já passaram pelo meu caminho.

quinta-feira, 19 de maio de 2011

Carência

Talvez por essa minha carência, eu criei a necessidade de tentar agradas toda as garotas que eu converso. Talvez isso esteja fazendo mal para elas e para mim.
Eu em nenhum momento quero magoar alguém. Porque sei que isso dó demais.
E tudo isso, vai me fazer ser alguém que não quero ser. Esse peso que estou carregando agora, é peso demais para eu carregar.

quarta-feira, 4 de maio de 2011

Ainda me lembro daqueles dias

Ainda me lembro daqueles dias em que eu esperava você chegar. Esperava para ganhar um abraço seu, porque se não ganhasse um abraço, meu dia já começava mal.
Sempre te esperava para te ver sorrir, para te ver com sua blusa roxa. E dizer o quanto você estava linda, mesmo você dizendo que não, pois tinha acabado de acordar.
Quando isso acabou, ficou um vazio dentro de mim. Algo que eu gostava tanto de fazer e não fazia mais. Sinto falta disso. Seu abraço era tão bom, me fazia sentir bem.
Mas isso acabou. Me resta apenas tentar deixar isso virar lembranças. Enquanto isso apenas vou lembrando como foi tudo tão bom.

domingo, 1 de maio de 2011

Princesa

Eu não preciso que você seja uma princesa. Eu preciso daquela que vai ser minha. Independente do que aconteça ela estará lá do meu lado no dia do casamento e para o resto da vida.
Eu não preciso que você seja uma princesa. Porque para mim, você é mais que uma princesa. Você é uma rainha!
Você não precisa ser princesa para os outros. Você tem que ser minha princesa.